segunda-feira, 9 de maio de 2016

Recuperação dos movimentos na Paralisia Facial


>




http://ocwus.us.es/estomatologia/cirugia-bucal/cirugia_bucal/tema-3/images/pic010.jpg

A Paralisia Facial Periférica (PFP) caracteriza-se pela interrupção, temporária ou não, dos movimentos da musculatura facial.

A intervenção de uma equipe multidisciplinar de reabilitação é indispensável para uma boa e eficaz conduta terapêutica.

O trabalho muscular proposto deve ser iniciado o mais rápido possível, mesmo nos casos de paralisias faciais de Bell, com o objetivo de retardar a atrofia muscular e aproveitar o período mais propício para a reinervação, impedindo níveis mais severos de degeneração do nervo facial.

A expressão facial é uma das habilidades humanas mais importantes que existe e é através dela que demonstramos, às vezes, muito mais do que as palavras conseguem dizer.

A Paralisia gera prejuízo funcional nas funções orais como fala, mastigação, sucção, deglutição e preensão labial. Se houver esse tipo de alteração é importante o tratamento da motricidade orofacial para o  tratamento de disfunções relacionadas  mastigação, sucção e deglutição.

É importante estar atento a essas disfunções. A Terapia Miofuncional Orofacial (TMO) visa dar funcionalidade aos movimentos e à musculatura, bem como a adequação das funções neurovegetativas, fala e expressão do indivíduo. Pode ser uma importante diferença no tratamento do paciente.

Até a próxima!

Receba informações sobre Sua Saúde no Email

Comente:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comment

facebook

Outros Posts Sobre Saúde


Receba no seu Email:

Dúvidas? Entre em contato!

Nome

E-mail *

Mensagem *

Todos os posts deste blog