Tratamentos para a paralisia facial







A paralisia facial é o acometimento total ou parcial dos músculos de um lado da face (hemiface). Este tipo de paralisia tem causas, características, formas de aparecimento e tempo de recuperação completamente diferentes.

Geralmente unilateral, a paralisia facial é uma ausência ou uma diminuição importante dos movimentos faciais, causada por uma lesão do nervo facial, que é o nervo do corpo mais freqüentemente paralisado.

Leia também:
Quais são as causas?

Algumas das causas da paralisia facial são:

Trauma - acidentes, batidas no lado da cabeça ou face.

Tumores - tanto benigno (neuroma acústico) quanto maligno (tumor cerebral)

Congênito - presente ao nascimento

Infeccioso - Paralisia de Bell, Síndrome de Ramsay Hunt (Herpes Zoster)


Quais são os sintomas?

Alguns dos sintomas iniciais podem incluir:

Sensação de dormência ou fraqueza;

Sensação de pressão ou inchaço do lado afetado;

Mudanças no paladar;

Intolerância a barulhos;

Olho ressecado ou lágrimas em excesso;

Dor ao redor ou no próprio ouvido;

Dificuldades para mastigar;

Dores de cabeça;

Vertigem.

Como diagnosticar?

Alguns testes podem ser utilizados para auxiliar o diagnóstico e o tratamento do paciente. Esses testes podem incluir:

Eletroneurografia (ENOG);

Audiometria;

Tomografia computadorizada;

Ressonância magnética com contraste;

Exames de sangue para verificar se a causa está ligada a varicela zoster ou herpes simples.


Como tratar?




Os cuidados prestados à pessoa acometida pela paralisia facial são oferecidos por meio de diferentes formas de tratamento:





Clínico: Avaliação médica, exames e medicamentos.




Cirúrgico: (Intervenção cirúrgica) quando necessário será indicada pelo médico.

Terapia miofacial: A reeducação das faces paralisadas é importante em todas as etapas da paralisia facial. Nos casos pós-cirúrgicos, como a descompressão do nervo, retirada de tumores, etc, a terapia miofacial deve começar o mais precocemente possível, depois do paciente ter tido alta do médico cirurgião.

A terapia miofacial prepara os músculos, não deixando que aconteça a atrofia muscular, estimula a vascularização periférica que ajuda nas trocas de nutrientes e orienta, por meio de exercícios, a recuperação dos movimentos da face.

A reabilitação é lenta e minunciosa, em função das patologias e dos testes musculares. Por isso, não tenha pressa em se recuperar. O importante é que a reabilitação seja feita adequadamente, com paciência, perseverança e atenção.
Tratamentos para a paralisia facial Tratamentos para a paralisia facial Editado por Dani Souto on 08:07 Nota: 5

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Tecnologia do Blogger.