Acordei com uma Paralisia Facial...e agora, o que fazer?






" Através da face revelamos ao mundo nossas emoções... nosso ser"


O que é a Paralisia Facial?

É a paralisia que ocorre com os nervos periféricos da face (nervo facial), responsável pelos movimentos dos músculos da face, pelo lacrimejamento dos olhos, pela proteção do sistema auditivo contra os sons fortes e também pela sensibilidade gustativa na parte anterior da língua.

Qual é a incidência da Paralisia Facial?

Pode ocorrer em qualquer idade com incidência maior em indivíduos entre 20 e 40 anos e do sexo masculino.


Quais as principais causas da Paralisia Facial?

A Paralisia Facial pode resultar de infecções virais ( herpes zoster), traumatismos, tumores, alterações congênitas (defeitos de nascimento) e até por diabetes.


Paralisia Facial, o que fazer?


Inicialmente, indica-se procurar um médico Otorrinolaringologista;
Passar por uma série de exames indicados, como: exames otoneurológicos, exames neurológicos, eletromiografias, testes de equilíbrio, medição do lacrimejamento, radiografias da face, tomografias computadorizadas, ressonância magnética entre outros.
Iniciar o mais rápido possível o tratamento para estimular a musculatura paralisada.



Fonoaudiologia atuando na Paralisia Facial


Como um profissional de detém de conhecimentos de toda a musculatura facial e sua funcionalidade, o Fonoaudiólogo é um dos profissionais capacitados a trabalhar diretamente em casos de Paralisia Facial.


Como é o trabalho do Fonoaudiólogo na Paralisia Facial?


Inicia-se com uma Avaliação minuciosa do funcionamento da musculatura facial em relação à sensibilidade, aos movimentos e função dos músculos, como Mastigação, Deglutição, Sucção e Articulação das palavras.

Tratamento consiste em:


Trabalho de sensibilização da musculatura facial;
Exercícios com os músculos faciais;
Alongamento dos músculos faciais;
Massagens manuais estimulatórias e relaxantes;
Estimulação termoestimulatória, através do calor e/ou do frio;
Exercícios miofuncionais (Mastigação, Deglutição, Sucção e Articulação);


Qual é o tempo de recuperação da Paralisia Facial?


A recuperação da função muscular será determinada pelo grau de comprometimento, pela causa e tipo da lesão do nervo facial.

A busca pelo tratamento Médico ou Fonoaudiológico da Paralisia Facial deve ser precoce, a fim de propiciar uma recuperação muscular favorável e rápida.


Fotos de pacientes com Paralisia Facial Periférica
Paciente com paralisia facial crônica, tentando assoviar.
Figura retirada do livro: "Terapia de Regulação Orofacial" / Rodolfo Castilho Morales – São Paulo: Memnon, 1999 – página 89
Paciente com Paralisia Facial Periférica, fazendo abertura de boca, sendo observado o desvio do ângulo de boca e o nariz para o lado não comprometido
Figura retirada do livro: "Terapia de Regulação Orofacial" / Rodolfo Castilho Morales – São Paulo: Memnon, 1999 – página 88
Paciente com Paralisia Facial Periférica, fechando os olhos. Observa-se o desvio do ângulo da boca mesmo fechada e o nariz para o lado não comprometido.
Figura retirada do livro: "Terapia de Regulação Orofacial" / Rodolfo Castilho Morales – São Paulo: Memnon, 1999 – página 89
Acordei com uma Paralisia Facial...e agora, o que fazer? Acordei com uma Paralisia Facial...e agora, o que fazer? Editado por Dani Souto on 12:18 Nota: 5

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Tecnologia do Blogger.